Gestão de pessoas: como recrutar os melhores docentes para sua IES

Entenda a importância da gestão de pessoas para a seleção de excelentes professores.

Uma equipe com ótimos docentes é fundamental para o reconhecimento de uma instituição de ensino. Para alcançar esse quadro de profissionais altamente qualificados, o trabalho de gestão de pessoas também deve ser eficiente para assim recrutar e selecionar os melhores professores.

O aumento do número de instituições de ensino superior e, consequentemente, da concorrência em busca de matrículas, tem levado o mercado educacional a uma demanda cada vez mais elevada por mão-de-obra docente qualificada e diferenciada.

 

Dica de leitura: Checklist definitivo para destacar sua IES perante as concorrentes.

 

Para isso, a universidade deve criar um processo seletivo que seja eficiente na contratação dos melhores docentes.

Os responsáveis pelo recrutamento e seleção de professores em uma universidade precisam ter, além de conhecimento sobre a realidade do mercado educacional, percepção aguçada para identificar candidatos com as habilidades e competências necessárias para agregar qualidade e valor aos cursos da instituição.

 

gestão de pessoas

 

A importância da Gestão de Pessoas em uma IES

 

Há muito teóricos da comunidade científica que estudam a importância de uma gestão de pessoas eficiente. Mazon e Trevisan (2000), por exemplo, afirmam que quando o processo de recrutamento e seleção é feito de modo eficaz, o resultado é sentido em toda a instituição.

O recomendado pelos especialistas é que cada empresa tenha seu próprio departamento de Gestão de Pessoas. Desse modo, essa equipe se torna não apenas responsável pelos processos de admissão de novos funcionários, mas também pelo acompanhamento do dia a dia dos profissionais da empresa, inclusive com treinamentos.

Para se tornar mais efetiva, a equipe responsável pela gestão de pessoas de uma instituição de ensino deve conhecer a realidade do mercado educacional, exigências e oportunidades.

Além disso, é importante que os diretores da faculdade e o departamento de gestão de pessoas estejam alinhados, para atuarem juntos na formação do melhor quadro possível de funcionários.

 

gestão de pessoas

Os benefícios de contratar bons docentes

São muitas as vantagens que um quadro de excelentes professores pode proporcionar à universidade. Confira os principais:

 

  • Qualidade de ensino: com professores altamente capacitados, a qualidade das aulas e do ensino da instituição aumenta exponencialmente. Os alunos aprendem muito mais e se formam profissionais mais conscientes e preparados para o mercado de trabalho.

 

  • Aumento de interesse: os estudantes buscam por aulas interessantes e com conteúdos relevantes, que são ministradas por bons docentes e geralmente se dedicam mais a essas disciplinas.

 

  • Diminuição da evasão: com o aumento do interesse por parte dos alunos, o número de evasão e encerramento de matrículas tende a diminuir. Sobre o assunto, indicamos a leitura do artigo “Como evitar a evasão de alunos durante o curso”.

 

  • Profissionalismo: qualidade e capacitação estão associadas com o profissionalismo, tanto do docente quanto do diretor e da equipe de gestão de pessoas. Ter um quadro com bons profissionais demonstra que a universidade prioriza o profissionalismo em seus processos e em sua própria cultura empresarial.

 

  • Reconhecimento: com a qualidade de seu ensino, a universidade ganha reconhecimento no mercado. Isso se dá pelos bons profissionais formados, pela melhoria da nota do MEC, pela recomendação de alunos, pela melhor posição no mercado e pelos prêmios recebidos.

 

  • Força no mercado: os bons nomes do quadro de docentes e o reconhecimento gerado garantem força no mercado educacional e é uma preciosa dica para pequenas universidades se destacarem. Assim, a instituição de ensino fortalece seu posicionamento e aumenta seu poder de negociação.

 

  • Inovação: docentes capacitados e qualificados levarão inovação à instituição de ensino. Esses profissionais podem somar muito à gestão da faculdade ao apresentar propostas, ideias e visões não percebidas pelos gestores.

 

  • Produção científica: um bom docente também se preocupa com produção científica, pois lhe garante maior conhecimento e atualização na área. Além de ser ótimo para sua carreira profissional, gera reconhecimento e inúmeras outras vantagens para a instituição de ensino.

 

  • Indicação dos alunos: quando um estudante se sente feliz e satisfeito com sua instituição de ensino, ele a recomenda em seu círculo social, atraindo novos alunos à universidade. É o que chamamos por Marketing de Recomendação.

 

  • Aumento de matrículas: como consequência de todos os tópicos apontados, haverá mais interessados pela instituição de ensino, o que otimiza a captação de alunos e a conversão de matrículas.

 

  • Produção de conteúdos ricos: os docentes poderão usar os conteúdos dados em aula como material rico para o site da instituição de ensino e, até mesmo, para cursos e minicursos online, a fim de gerar leads, atingir um público maior e atrair mais alunos.

Como contratar um excelente corpo docente

Antes de tudo, é preciso planejamento. Junto aos diretores, os responsáveis pela gestão de pessoas precisam reconhecer quais as necessidades da instituição de ensino e qual tipo de profissionais buscarão.

É necessário criar uma lista de requisitos indispensáveis que um docente precisa ter para ingressar na universidade, além das habilidades desejadas. Monta-se, então, um perfil de profissional buscado pela instituição de ensino.

Atualmente, os cursos EAD são os que mais crescem no país e, por isso, merecem atenção especial. Docentes que estejam abertos e tenham facilidade com essa modalidade devem ser percebidos com mais atenção pelos gestores.

Após criar o perfil de docente desejado pela universidade, deve-se planejar o processo seletivo.

Quantas e quais serão as etapas de recrutamento? Como as habilidades desejadas serão avaliadas no processo? Quanto tempo durará a seleção? Quando os novos docentes serão contratados? Essas perguntas podem orientar a definição do processo.

Para ajudar a selecionar os melhores profissionais para a sua instituição de ensino, disponibilizamos um passo a passo com material rico sobre gestão de pessoas. Baixe agora mesmo esse Checklist e veja como aplicar na prática estratégias de recrutamento que trarão ótimos resultados.

 

gestão de pessoas

Dicas preciosas para o processo seletivo do corpo docente

Após planejar o processo seletivo, confira oito dicas importantes para recrutar e contratar os melhores professores para sua universidade:

 

1 – Divulgue o processo seletivo nos locais certos. Priorize o processo interno e dê chance à equipe atual, abuse da tecnologia e invista em redes sociais como o Linkedin, use o E-mail Marketing, faça parcerias com outras empresas e sites de recrutamento.

 

2 – Deixe claro na descrição da vaga os requisitos e o perfil desejado. Desse modo, conseguirá filtrar os candidatos já na inscrição, tornando mais fácil e menos trabalhoso o processo de seleção.

 

3 – Crie um canal para receber os currículos, como um e-mail específico para isso.

 

4 – Não tenha pressa em analisar os currículos. Use filtros para isso, selecionando aqueles que correspondem aos requisitos exigidos e depois avaliando as habilidades desejadas e, depois, os diferenciais. Observe as competências, experiências e portfólios.

 

5 – Não se desfaça dos currículos não selecionados. Crie um banco de dados, pois você pode acabar precisando resgatar as informações de algum candidato que a princípio foi dispensado.

 

6 –feedback. Além de ser uma atitude profissional e ética, garante uma melhor imagem à instituição. Confirme recebimento do currículo e da inscrição. Ao dispensar um candidato, explique o motivo e avise que deixará seu currículo no banco de dados para outras oportunidades.

 

7 – Se fizer dinâmica ou entrevista em grupo, avalie também como os candidatos se comportam em equipe e aproveite para analisar algumas habilidades em prova. Mas não deixe de realizar entrevistas individuais.

 

8 – Seja sincero durante a entrevista. Seja objetivo e deixe bastante claro do que se trata a vaga. Converse com o candidato e aponte o que observou em seu perfil, tanto os pontos positivos quanto os negativos. Dê-lhe chance de argumentar, pois você pode perceber alguma característica não observada anteriormente. Repasse informações como carga horária, salário, benefícios, responsabilidades etc.

 

Leia também: Como recrutar os melhores profissionais de atendimento para sua IES.

 

Para lembrar

Para fixar esse importante aprendizado, vale recordar os principais pontos deste artigo.

 

  • Uma universidade reconhecida é formada por excelentes docentes e profissionais;

 

  • A equipe de gestão de pessoas e os diretores precisam estar alinhados com as necessidades da instituição;

 

  • É preciso percepção aguçada para identificar candidatos com as habilidades e competências necessárias;

 

  • Planejamento antecipado do processo seletivo é muito importante para garantir os melhores profissionais.

 

Para obter mais informações sobre recrutamento e seleção e saber como aplicar esses conceitos na realidade da sua instituição de ensino, baixe gratuitamente o checklist de recrutamento que preparamos: 

 

 

O que você achou deste conteúdo?

Muito RuimRuimRegularBomMuito Bom (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Sérgio Fiuza

View posts by Sérgio Fiuza
Sérgio é VP de Mercado da Quero Educação, startup que já inclui mais de 300 mil estudantes no ensino superior brasileiro por meio da concessão de bolsas de estudo. Além disso, construiu também carreira acadêmica, atuando como professor na Fundação Dom Cabral e Fundação Getúlio Vargas, além de participar de projetos no MIT e na Michigan State University.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to top
[números e fatos]
[números e fatos]